QUAL A DIFERENÇA ENTRE UM VÍDEO COMERCIAL E INSTITUCIONAL?

Qual a diferença entre um vídeo comercial e institucional?

O vídeo oferece a possibilidade de uma empresa transmitir as suas mensagens de forma assertiva, eficaz e colher bons resultados. No entanto, é importante mostrar a clara distinção entre o que é chamado de vídeo institucional e vídeo comercial.

Ainda existe confusão nesse sentido, e por isso, fizemos esse post. Vamos mostrar claramente a diferença entre os dois termos para que eles possam ser facilmente encaixados nas suas estratégias de marketing.

 

Vídeos comerciais X institucional

 

 

Em sua essência, os vídeos comerciais são aqueles que vendem especificamente os produtos, ações, serviços ou que criam ações para atingir um determinado público-alvo.

Já os vídeos institucionais, transmitem através de efeitos audiovisuais, a identidade da corporação. Fala dos valores por detrás da empresa como um todo, não de um produto ou serviço específico.

Alguns elementos essenciais nos vídeos institucionais são: um breve histórico da empresa, como está situada dentro do market share ou ainda quais são os seus principais diferenciais, como valores, missão e visão de futuro. Em resumo:

Vídeos institucionais:

  • Têm como objetivo demonstrar positivamente o perfil empresarial;
  • Apresentam a missão, a visão e os valores da empresa;
  • Divulgam as ações sociais e de apoio a comunidade;
  • Reforçam o laço dos clientes com a marca;
  • Aumentam o engajamento do público-alvo com a essência do negócio;
  • Funcionam como marketing de consolidação da marca;
  • Dão credibilidade aos potenciais da empresa e os serviços oferecidos.

Vídeos comerciais:

  • Tem foco exclusivo em resultados de venda ou licro;
  • Abordam quais os principais diferenciais de produtos e dos serviços;
  • Â?Discutem quais são os benefícios de compra daquele produto ou serviço.

Os principais elementos utilizados são entrevistas com clientes, informações comparativas entre os produtos, quais as vantagens a longo prazo ou outras abordagens comerciais.

Três maiores diferenças entre vídeos institucionais e comerciais

 

 

1) Vender os produtos e apresentar a empresa

Em um vídeo comercial fica bem claro que a intenção é vender um produto ou um serviço. Os consumidores descobrem os principais atributos e benefícios e a mensagem deve ser clara de que o objetivo daquele vídeo é vender. Normalmente, eles são utilizados entre a segunda e terceira etapa do funil de vendas, para o fechamento.

Já os institucionais apresentam valores, valorizam os colaboradores e a filosofia da empresa, o que comercializa ou quais serviços oferecem, normalmente são utilizados na home do site ou em eventos como uma apresentação da empresa.

2) Aumentar o lucro x reforçar o perfil junto aos consumidores

Para que os vídeos comerciais cumpram a sua finalidade, é necessário atrair a atenção dos clientes e incentivá-los a comprar. Além disso, é importante
apresentar os benefícios do produto ou do serviço – em comparação aos outros concorrentes.

Já os vídeos institucionais, precisam reforçar o objetivo da empresa, as situações em que os produtos foram utilizados, ou ainda a preocupação com o bem-estar dos colaboradores.

 

3) Alinhamento com os valores da marca X intenção de se apresentar ao público

O vídeo comercial é uma ação de marketing indicada para o momento em que a empresa possui a identidade visual e o posicionamento bem definidos.

Além disso, o tom deve estar perfeitamente alinhado com o conceito desenvolvido pela marca. Se por acaso, a empresa tem um posicionamento mais sério, o vídeo não pode ter uma linguagem informal.

Já o institucional deve ser produzido quando a empresa tiver a clara intenção de se apresentar a alguns possíveis clientes e mostrar ao mercado quem ela é.

 

Então, ficou mais claro para você as diferenças entre os dois? O que achou do nosso conteúdo? Ou entre em contato para que possamos esclarecer todas as suas dúvidas em relação a produção de vídeos!